Me ajudem a melhorar o blog em 2018



Olá pessoal, eu sei que o ano já começou tem uns dias... mas eu estou curtindo umas férias e me preparando para um exame e por isso fazendo uma dieta que está me deixando fraca e sem animo, sigo lendo, ainda bem, essa semana tem resenha.

Passando para desejar um FELIZ 2018 para todos vocês e suas famílias... e pedir que me ajudem respondendo uma pequena pesquisa para melhorar o blog em 2018. Você poderia me ajudar?

Minhas impressões (MI-34/2017): Um beijo à meia-noite - Eloisa James

 Meu ano foi de várias leituras, mas pouco tempo para resenhas, basicamente eu resenhei os livros da Editora Arqueiro, que é a minha parceira quase única, porque os livros da Arqueiro são os meus preferidos, autores preferidos, estilo preferido, equipe preferida, a Arqueiro atende bem os blogueiros e atende bem os leitores, com os melhores livros com preços justos em edições excelentes.

Para terminar o ano de 2017, deixei um delicioso livro, Romance de época (estilo que eu adoro) e de uma autora que até então não tinha me deixado encantada verdadeiramente, mas com este reconto do Clássico de Cinderela Eloisa James me conquistou.

Sinopse

Compre na Amazon BRasil


Minhas impressões

Livro de leitura rápida, um reconto do clássico conto de fadas, Cinderela, mas aqui temos uma madrasta má e uma meio-irmã boazinha... Katherine Kate Daltry perdeu a mãe, que sempre foi doente, muito nova, e logo em seguida, 15 dias depois o pai se casou com Mariana, que trouxe a filha Victoria para morar com eles... mas o pai também morreu logo e desde então Mariana colocou Kate para cuidar de quase tudo na Casa Yarrow, desde as contas aos arrendatários e funcionários, enquanto Mariana só pensa em gastar todo o dinheiro deixado para ela com roupas e jóias e outras futilidades para si e para a filha, linda e encantadora.

Victoria Daltry é linda e está noiva, foi comprometida por lorde Algernon Dimsdale, mas precisa da aprovação do tio do noivo, o recém chegado à Inglaterra, Príncipe Gabriel Augustus-Frederick William von Aschenberg of Warl-Marburg-Baalsfeld, que vive no Castlelo Pomeroy em Lancashire. Mas Victoria foi mordida por um de seus intrépidos cachorrinhos e está com os lábios inchados, até mesmo infeccionados, e Mariana junto com o lorde Dimsdale arquitetaram um plano de levar Kate para se passar como Victoria.

"- Ele é príncipe de algum pequeno país no fim do mundo, pelo que Algie diz. Mas é único representante da família materna de Algie que vive na Inglaterra, e a mãe não vai liberar a herança sem a aprovação do príncipe. O testamento do pai - confidenciou Victoria - é terrivelmente injusto. Se Algie se casar antes dos 30 anos sem a aprovação da mãe, perde parte da herança... e Algie ainda não tem nem 20!" posição 4%

Kate acha falho o plano de Mariana, porque ela é mais velha, tem 23 enquanto a irmã tem 18, e mais mal tratada, mais magra, curtida pelo sol, mãos calejadas, do que a irmã Victoria, mas a madrasta não aceita um não e elas preparam roupas e perucas adequadas para a visita de Kate ao Castelo Pomeroy, e Kate viaja com o 'cunhado' e os três cachorrinhos (Caesar, Coco e Freddie) da irmã, além de apenas uma acompanhante/camareira, ajudante.

"- Mas meu cabelo...
- Não é o cabelo - disse a madrasta. - Faremos com que use um vestido decente e você logo verá a semelhança. Victoria é conhecida por sua beleza, seus cães e seus sapatinhos de cristal. Desde que não solte essa língua atrevida, você se passará por ela.
- E o que são sapatinhos de cristal?!" posição 7%

Gabriel era o irmão mais novo do Grão Duque de Warl-Marburgo-Baalsfeld que virou um fanático religioso e expulsou do ducado todos os parentes e cortesãos individados ou que o Grão duque considerava corrupto, enfermo, excêntrico ou louco, além de animais indesejados (um leão doente, uma elefanta e uma macaquinha, dentre outros). Apesar do sonho de Gabriel ser seguir uma expedição arqueológica em Túnis, mas por ter um bom coração, não conseguiu largar os parentes sem auxílio e partiu para a Inglaterra, para morar em um castelo cheio de problemas a serem resolvidos. Dentre seus aliados, está o mordomo, meio irmão e melhor amigo Berwick, Wick.

"Mas ele não tinha escolha. Não mesmo. Ele não era Augustus, com seus princípios religiosos desprovidos de qualquer senso de humor e de humanidade. Não podia ver todas as pessoas que conhecia desde criança, do tio amalucado até o bobo da corte (com seus 75 anos), serem jogadas na rua da amargura porque Augustus achava que elas manchavam sua aura." posição 13%

O primeiro encontro entre Kate (Victoria) e o Príncipe é meio tumultuado, mas ela logo percebe a força que exala do nobre.

"Então seu olhar se acostumou com a luz e Kate mudou de ideia. Ele não era Macbeth... estava mais para o rei das fadas, o próprio Oberon, os olhos ligeiramente oblíquos e maliciosos, com apenas um toque de exotismo. Seu 'sangue estrangeiro', como dizia Algie.
Tinha um sotaque denso e delicioso, que combinava com seus olhos e com o cabelo espesso. E havia mais alguma coisa nele, algo mais vibrante, mais poderoso e arrogante do que os pálidos ingleses que ela encontrava todos os dias." posição 14%

Kate encontra pela primeira vez com a madrinha que a reconhece só de vê-la e se torna uma aliada e amiga, ou quem sabe uma mãe. Lady Henrietta Wrothe, mas todos a chamam de Henry, é uma dama alegre, que sabe viver a vida e está em seu terceiro casamento, mas apesar de adorar o luxo e o conforto também vive um casamento apaixonado e divertido.

"- Seu pai me escolheu como sua madrinha, Kate. E, mesmo que eu não tenha dado valor a esse presente naquela época, agora é diferente. - Henry se aproximou e tocou o rosto da jovem. - Se não se importar, eu gostaria de tentar ser uma madrinha de verdade para você." posição 23%
Desde a primeira interação de Kate (se passando por Victoria) com o príncipe Gabriel é difícil ela esconder sua inteligência e segurar a língua, e a atração, mútua... mas logo o príncipe e seu irmão Wick descobrem que Kate não é Victoria e fica mais fácil eles interagirem sem que haja

"- Que homem detestável - retrucou Kate, dando à voz a dose certa de indiferença e desdém. - Fico feliz que seu noivado tenha sido arranjado a partir de uma aliança entre impérios, pois duvido que seja capaz de conquistar uma esposa por conta própria.
Aquilo era uma medida descarada, pois Kate não consegui pensar em uma só mulher que não daria tudo para se casar com ele. Com exceção dela própria, claro." posição 25%

Gostei da construção do casal, da atração, amizade, cumplicidade, das cenas de amor...

"- Faz alguma ideia do que é ser um príncipe? - Ele ergueu a cabeça de repente e seus olhos estavam amargos, sua boca era uma linha rija. - Não posso fazer o que desejo. Não posso ser o que desejo. Não posso me casar com quem desejo.
Ela mordeu o lábio, emocionada.
(...)
- Eu gostaria, ao menos uma vez, que uma mulher me visse como algo desvinculado de uma coroa. Apenas com um homem igual aos outros. - As palavras foram arrancadas de seu peito. - Como... Ela o interrompeu colocando as mãos no rosto dele." posição 69% 

Lançamento (MI-33/2017): The Man in the Black Suit @SylvainReynard

Olá pessoal... Vocês sabem que dia é hoje? Além do meu aniversário... hoje é o lançamento do livro de Sylvain Reynard 'The Man in the black Suit' um romance contemporâneo, sem ser 'paranormal' que já me cansei e com algumas vantagens em relação aos últimos livros lançados por SR. Hello everyone... Do you know what day it is? In addition to my birthday... today is the release of Sylvain Reynard's book 'The Man in the Black Suit' a contemporary novel, without being 'paranormal' that I've had enough and with some advantages over the last books released by SR.


"Nicholas, listen to me. You want justice. You deserve to have it. But an eye for an eye makes us all blind." posição 76%

Como o livro ainda não tem data para ser lançado no Brasil, espero que a Editora Arqueiro o lance, porque vale muito, muito a pena, vou postar a sinopse em inglês e a tradução (feita por mim). As the book still has no date to be released in Brazil, I hope that Editora Arqueiro release it, because it is worth very, very much, I will post the synopsis in English and the translation (made by me).


Tradução

A brasileira Acacia Santos se destaca em seu trabalho como conciege no prestigiado Hotel Victoire em Paris. Quando seu colega sênior é atacado e enviado ao hospital, ela é encarregada de servir um dos hóspedes mais misteriosos e atraentes do hotel.
Nicholas Cassirer chega ao hotel sob um nome assumido a cada três meses. Normalmente, ele permanece na suíte da cobertura com uma bela companheira, mas nesta ocasião, ele chega sozinho e está descontente em ter que lidar com alguém novo. Um jogo de inteligência ocorre quando ele testa a experiência da Acacia com uma série de demandas quase impossíveis. Sua inteligência e criatividade aumentam o desafio, e ganham o seu respeito.
Eles atingem um acordo tênue até Acacia descobrir uma famosa pintura roubada em sua suíte. Comprometida a denunciar sua descoberta, contata um ex-namorado que trabalha para a elite BRB, uma unidade de aplicação da lei francesa que lida com arte roubada.
Nicholas é questionado pela polícia e liberado quando se revela que a pintura é uma reprodução. Irritado com seu comportamento, o supervisor da Acacia a rebaixou, ameaçando a demissão e o cancelamento de sua autorização de trabalho.
Mas Acacia já atraiu a atenção de Nicholas. Preocupado de que ela possa perder seu emprego por sua causa, ele oferece uma escolha - ela pode esperar até que seu supervisor a descarte, ou ela pode deixar a cidade das luzes para trás e se tornar sua assistente pessoal.
Acacia inicialmente recusa sua oferta, mas Nicholas é persistente. Ele se revela como um homem que adquire em silêncio arte roubada para restaurá-la aos seus legítimos donos. Diante de dívidas familiares crescentes e a possibilidade de demissão e deportação, ela concorda em trabalhar para ele.
Nicholas abre um novo mundo de beleza e intriga para Acacia enquanto viajam pelo mundo. Em breve, a linha entre empregado e assistente é borrada, e as duas pessoas solitárias embarcam em um relacionamento apaixonado.
Segredos e perigo são enormes quando Nicholas e Acacia tentam resolver o mistério de uma peça de arte roubada. Mas Acacia pode revelar-se o mistério mais perigoso de todos.
Compre na Amazon Brasil


Agora vou falar o que achei deste livro... Now I'll say what I think about this book.

Adorei o fato de Acacia Santos ser brasileira, ser uma mulher forte, inteligente e capaz de se defender sozinha em Paris, onde mora após estudar arte em Sorbonne, seu artista favorito é o mesmo meu, Claude Monet, me interessei por conhecer todos os museus ao redor do mundo com obras deste grande pintor impressionista. I loved the fact that Acacia Santos was Brazilian, a strong, intelligent woman capable of defending herself in Paris, where she lives after studying art at Sorbonne, her favorite artist is my own, Claude Monet, I was interested in seeing all the museums around the world with works of this great Impressionist painter.

Quando Acacia e Nicholas se encontram ele está disfarçado sob outro nome (Pierre Breckman), não gosta de ver outro concierge o atendendo, mas logo percebe a inteligência da mulher atraente e apesar de algumas divergências iniciais ele quer que ela trabalhe com ele, não apenas pelo risco de ela perder o emprego, mas pela capacidade com idiomas (Acacia fala 6 línguas) e conhecimento de Artes. Mas a moça é bastante desconfiada e quer se sustentar por si só, não aceita o emprego oferecido, mas acaba tendo que ceder e receber ajuda do misterioso homem se apresenta sem disfarces contando quem realmente é, Nicholas Cassirer, que se dispõe a ajudá-la e proteger. When Acacia and Nicholas meet he is disguised under another name (Pierre Breckman), he doesn't like to see another concierge attending, but soon realizes the intelligence of the attractive woman and despite some initial divergences he wants her to work with him, not only by the risk of her losing her job, but by her ability with languages (Acacia speaks 6 languages) and knowledge of Arts. But the girl is very suspicious and wants to support herself, does not accept the job offered, but ends up having to give up and receive help from the mysterious man who presented him self without disguise telling who he really is, Nicholas Cassirer, who is willing to help her and protect.

Nicholas e Acacia vivem uma aventura de amor e perigo, já que ambos lidam com pessoas perigosas ao redor do mundo. São várias cidades 'visitadas' por Acacia e Nicholas: Paris, Genebra e Colonia (na Suíca), Santorini (Grécia), Dubai (Emirados Arabes), Marrocos, Helsinki (Finlândia) e Moscow. Sobre o Brasil são citadas Rio, Recife, Manaus e minha terra querida, o estado de Minas Gerais, Acacia faz pão de queijo de café da manhã algumas vezes, ela tem uma personalidade realmente agradável (como nós brasileiros), apesar de tanto sofrimento, é alegre e não entra em 'guerra' facilmente, apenas quando a luta é válida, como defender a alma do homem de sua vida. Nicholas and Acacia live an adventure of love and danger, as both deal with dangerous people around the world. There are several cities 'visited' by Acacia and Nicholas: Paris, Geneva and Cologny (in Switzerland), Santorini (Greece), Dubai (United Arab Emirates), Morocco, Helsinki (Finland) and Moscow. About Brazil SR quotes Rio, Recife, Manaus and my beloved land, the state of Minas Gerais, Acacia makes 'pão de queijo' for breakfast a few times, she has a really nice personality (like us Brazilian people), despite so much suffering, she is cheerful and not cheerful. enters into 'war' easily, only when the fight is valid, how to defend the man's soul from his life.


Vantagens da leitura deste livro e do lançamento em português pela Editora Arqueiro:
Advantages of reading this book and the Portuguese release by Editora Arqueiro:

  • é apenas um livro, e não uma série; it is a standalone, not a Series;
  • é romance contemporâneo, nada de vampiros ou seres fantásticos; it's a contemporary novel, no vampires or fantastic beings;
  • o livro é narrado em 3ª pessoa; the book is narrated in 3rd person;
  • o livro tem romance (quente e apaixonante) mesclado com aventura e perigos; e the book has romance (hot and passionate) mixed with adventure and dangers; and
  • é um livro de Sylvain Reynard com arte, bondade e redenção de almas torturadas por sofrimentos. is a book by Sylvain Reynard with art, kindness and redemption of souls tortured by suffering.

Sylvain Reynard e Nina Bocci obrigada por nos dar (a tantos bloggers ao redor do mundo) a honra de ler e resenhar em primeira mão este novo e emocionante livro. Eu quero mais deste estilo.
Sylvain Reynard and Nina Bocci thank you for giving us (so many bloggers around the world) the honor of reading and reviewing this exciting new book first hand. I want more of this style.



Lançamento Internacional (MI-32/2017):FORD - Samantha Chase - 7 Brides for 7 soldiers

Olá pessoal, tudo bem por aí? Por aqui continuo nas minhas leituras, muitas internacionais... eu queria que todos os bons livros que leio viessem para o Brasil e dentre eles a série deste livro que falarei agora.

Nos EUA os autores são muito amigos e escrevem livros e séries juntos, e a Série 7 Brides for 7 soldiers (7 noivas para 7 soldados) foi escrita por 7 autoras. Eu li o primeiro livro e o último, gostaria de ter lido todos os livros, mas o tempo e o $$$ estão um pouco curtos.

ABOUT THE SERIES

Fall in love with seven sexy and irresistible soldiers who find their courage and heart tested like never before in the battle for love! This multi-author collaborative series of contemporary romance novels is brought to you by bestselling authors Barbara Freethy, Roxanne St. Claire, Christie Ridgway, Lynn Raye Harris, Julia London, Cristin Harber and Samantha Chase. You won't want to miss a single one!

Book 1 – RYDER by Barbara Freethy
Book 2 – ADAM by Roxanne St. Claire
Book 3 – ZANE by Christie Ridgway
Book 4 – WYATT by Lynn Raye Harris
Book 5 – JACK by Julia London
Book 6 – NOAH by Cristin Harber
Book 7 – FORD by Samantha Chase


Hoje vou falar do sétimo livro, do sétimo soldado, FORD, escrito por Samantha Chase.



FORD
By Samantha Chase
Series: 7 Brides for 7 Soldiers #7
Release Date: December 12, 2017


ABOUT THE BOOK

There are three things Ford Garrison wants more than anything: to build, to report to no one, and the chance to live his life without the prying eyes of the good folks of Eagle’s Ridge. Having spent ten years in the Navy as part of their construction battalion, he was able to live out most of that dream. Two out three wasn’t bad, right? Now that he’s out of the service, things aren’t falling into place quite as easily as he hoped and he ends up back home with all eyes on him.

It wasn’t as if Callie had gone out of her way to end up in Ford’s path, but somehow that happened all on its own and the town gossips were having a field day! Could she help it that she was living in the house Ford had hoped to claim as his own or that the work on his grandmother’s ranch meant they were living not fifty-feet away from each other?

Ford was determined to come home, do a job to help his grandmother and leave. Callie James is a distraction and she represents everything he has spent years running away from. Now he’s at odds with his friends, his family and himself about where his home and future are going to be.

Could he walk away from Eagle’s Ridge a second time?

Goodreads - http://bit.ly/2jpOHkg


Minha resenha (My review)

Ford Garrison nasceu e viveu em Eagle Ridge, nascido de uma família influente e de posses, sempre foi uma 'sombra' do avô paterno, com quem aprendeu muito sobre marcenaria e construção, mas ao 18 anos resolveu seguir a carreira militar, Ford queria se provar por ele mesmo, ser quem ele é, sem ter toda a cidade sabendo o que ele fez ou deixou de fazer. Mesmo indo para o exército, era com construção que ele trabalhava, reconstruindo ou construindo... e sempre que podia voltava por pouco tempo a Eagle Ridge. Agora ele já saiu do exército e trabalha com construção na Filadélfia, do outro lado do país, ainda continua resistente a voltar para sua cidade natal, mas a sua avó querida sofreu um pequeno acidente e parte da casa dos avós está precisando ser recuperada, e por isso, Ford retorna a Eagle Ridge para ajudar a avó... ele se sente triste por não ter estado com o avô antes de ele falecer e quer estar com a avó, pelo menos para melhorar a casa que ela e o avô construiram juntos há vários anos. Ford Garrison was born and raised in Eagle Ridge, born of an influential family of possessions, was always a 'shadow' of the paternal grandfather, with whom he learned much about carpentry and construction, but at the age of 18 decided to pursue a military career, Ford wanted to prove by himself, to be who he is, without having the whole city knowing what he did or did not do. Even going to the army, it was construction he worked on, rebuilding or building... and whenever he could go back to Eagle Ridge for a little while. Now he has left the army and works with construction in Philadelphia, across the country, still remains resistant to returning to his hometown, but his beloved grandmother suffered a minor accident and part of the grandparents' house needs to be recovered, and so Ford returns to Eagle Ridge to help his grandmother... he feels sorry for not being with his grandfather before he dies and wants to be with his grandmother, at least to improve the house she and grandfather built together several years ago.

O que Ford não imagina é que fosse encontrar uma vizinha da casa dos avôs, na realidade uma 'inquilina' da avó na casa de hóspedes, e que esta moça, uma linda e doce, professora, fosse mexer tanto com os sentimentos dele. What Ford did not realize was that he was going to find a neighbor of the grandparents' house, in fact a grandmother's' in-house'guesthouse, and that this sweet and lovely young lady would be so fussy about his feelings.

Callie James é a filha da antiga ajudante, faxineira, e amiga dos Garrison, os avós de Ford sempre tiveram muito carinho por Callie e sua mãe, e quando Callie se tornou a professora do jardim (crianças de 5 anos) próximo ao Rancho de Margareth Garrison, Margareth oferece que ela more no chalé de hóspedes. Callie James is the daughter of the former helper, janitor, and friend of the Garrison, Ford's grandparents have always been very fond of Callie and her mother, and when Callie became the kindengarden teacher (5 year old) near Margareth's Ranch Garrison, Margareth offers that she lives in the guest cottage.

Callie sempre teve 'uma queda' por Ford, ele foi seu crush da adolescência, mesmo que ele nunca tenha percebido a menina, que é 4 anos mais nova... mas quando Callie e Ford se reencontram e começam a conviver bem próximo é inevitável que a atração e os sentimentos apareçam e se concretizem, fortalecendo o relacionamento. Callie always had a 'fall' for Ford, he was her crush of adolescence, even though he never noticed the girl, who is 4 years younger... but when Callie and Ford met and start to get along very close, it's inevitable that the attraction and the feelings appear and they materialize, strengthening the relationship.

Será que Ford será capaz de aceitar seu destino, de ser o herdeiro do avo para cuidar da construtora Garrison, e com isso retornar a Eagle Ridge definitivamente? Será que Callie poderá ajudar Ford a perceber o quanto a pequena cidade pode ser encantadora assim como todos, ou quase todos, na cidade? Will Ford be able to accept his fate, to be the grandfather's heir to take care of the Garrison builder, and with that return to Eagle Ridge forever? Will Callie be able to help Ford realize how the small town can be as charming as everyone else, or almost everyone, in town?

Só senti falta de um pouco mais de cenas calientes. I missed more hot scenes. 

EXCERPT
“What are you working on out here? More wreaths?”
With a soft laugh, she pulled back and stepped out of his arms. “I am. Doing something like this is normally very soothing for me. When I got home, I came right out here rather than going into the cottage.”
“And did it help?”
Callie shook her head. “Unfortunately, it was so quiet out here, and I’ve already made four of these wreaths so I didn’t even have to think about what I was doing.”
“So your mind immediately went to your mom.”
She nodded. “Exactly.”
Stepping around her, Ford examined the wreath. It looked exactly like the one she had given him for his grandmother’s front door, but now he took the time to look at the details. It seemed so simple at first glance, but when he realized how much time went into weaving the lights and how tedious that could be, he was more than a little impressed. The vine was fragile, and he knew he’d more than likely crush some of it if he tried to do it himself.
Unable to help himself, he reached for one of Callie’s hands and studied it. It was small and delicate. Her fingers were slim and smooth. No wonder she could do work like this. He looked at her face and saw her studying him, her expression serious.
And Callie rarely looked serious or intense. Her features were always relaxed or smiling. This was…different.
He brought her hand to his lips and kissed her palm. “I was just noticing how intricate this work is,” he said gruffly. “I’m a little in awe of what you do.”
“Me? But…what you do is so much more—”
Ford placed a finger over her lips and shook his head. “I’m in awe of you,” he repeated, and slowly pulled her in close again.
Callie’s lips parted on a soft gasp as her eyes met his. And those beautiful eyes seemed to have a million questions in them, and Ford only had one answer.
He kissed her.
Slowly. Sweetly. He savored her as she melted against him. She hummed as her arms wrapped around him and in that instant, Ford knew what he had to do.
He lifted his head and looked down at her. Her lips were wet and her cheeks were flushed and she was the most beautiful woman he’d ever seen. So many nights over the last week they’d been like this, and right now, Ford knew he wanted more.
“Come home with me, Callie,” he murmured against her lips before resting his forehead against hers.
“Yes.”
Never had a single word sounded sweeter.

Get your copy of FORD today!

Amazon / Barnes & Noble / iBooks / Kobo


ABOUT THE AUTHOR

Samantha Chase is a New York Times and USA Today bestseller of contemporary romance. She released her debut novel in 2011 and currently has more than forty titles under her belt! When she’s not working on a new story, she spends her time reading romances, playing way too many games of Scrabble or Solitaire on Facebook, wearing a tiara while playing with her sassy pug Maylene…oh, and spending time with her husband of 25 years and their two sons in North Carolina.

Newsletter – http://bit.ly/2xU05xE